Dando continuidade ao trabalho iniciado com Instituto de Pesquisa Professor Joaquim Amorim Neto (IPESQ) – centro de pesquisa sem fins lucrativos que promove estudos sobre formas de prevenção e tratamento da microcefalia – a Energisa inicia nesta semana as visitas às famílias atendidas pelo instituto.

A intenção é verificar se as famílias estão cadastradas no projeto de Tarifa Social de Energia Elétrica, que concede descontos de até 65% no consumo, e avaliar a possibilidade de realizar a troca de geladeira e de lâmpadas com vistas à redução do consumo. De acordo com Renato Deladea, gerente de Qualidade e Projetos da Energisa, 120 famílias serão visitadas em 65 cidades paraibanas. “Fizemos o levantamento junto com o IPESQ e a Secretaria de Saúde do Estado e, agora, precisamos saber quem se enquadra nos critérios do programa”, explica.

Nas visitas, previstas para ocorrer até outubro, a equipe da Energisa vai avaliar a situação das geladeiras, das lâmpadas e o cadastro o Programa Tarifa Social e realizar as trocas. “Iremos de casa em casa, e se for o caso, trocar o eletrodoméstico e as lâmpadas por modelos mais eficientes que reduzam o consumo dessas famílias”, pontua Renato.

Segundo Renato as geladeiras deverão ser entregues às famílias em meados de novembro. “Queremos com essa ação proporcionar mais conforto, já que a maior parte dessas famílias é de baixa renda e quanto menor for seu consumo de energia melhor para elas”, complementa.

Convênio – Presidido pela médica e pesquisadora, Adriana Melo, o IPESQ se tornou referência no estudo e tratamento da microcefalia, e mudou o enfoque das pesquisas científicas sobre a anomalia em todo o mundo.

Além da pesquisa, o instituto oferece tratamento especializado a mães e bebês, incluindo fisioterapia e apoio psicológico. Por entender que esse trabalho é único e fundamental para o futuro da sociedade, a Energisa firmou convênio com o instituto para arrecadar doações, via conta de energia elétrica e qualquer cidadão pode fazer doações de qualquer valor ao instituto. Basta comparecer a uma agência de atendimento ou ligar para o 0800 083 0196.

EB58RJ-1

Com Parlamento PB

DEIXE UMA RESPOSTA