Funcionários poderão ser proibidos de fazer depósitos acima de R$ 10 mil na PB

0
420

O deputado estadual Frei Anastácio apresentou projeto de lei na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), que propõe a proibição de funcionários de qualquer empresa, ONG ou estabelecimento comercial a transportar e realizar depósitos, acima de R$ 10 mil, em bancos e casas loterias em todo o estado.

“Essa é uma forma de tentar diminuir as chamadas chegadinhas e saidinhas de bancos e resguardar a vida de funcionários e da população. Nós já vimos diversos casos na Paraíba e em outros estados, nos quais pessoas foram vítimas de ladrões ao transportarem dinheiro para depósito”, disse o deputado.

De acordo com o projeto, se o estabelecimento descumprir a determinação estará sujeito à aplicação de multa no valor de R$5 mil e de R$ 10 mil reais para cada reincidência. “Esperamos que a Assembleia discuta e aprove esse projeto de lei, que é mais uma contribuição para tentar diminuir a violência”, disse o deputado.

Só neste ano, já são 66 ataques a bancos na Paraíba, segundo dados do Sindicato dos Bancários, incluindo explosões, arrombamentos, assaltos, tentativas e crimes de roubo conhecidos como saidinhas ou chegadinhas.

Portal Correio

DEIXE UMA RESPOSTA