Pleno do TRE considera improcedentes acusações contra Ricardo Coutinho e Cássio Cunha Lima

A procuradoria do Ministério Público Eleitoral já havia se manifestado pela improcedência das acusações.

0
205
ClickPB

O pleno do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) considerou, por unanimidade, na tarde desta quinta-feira (16) inconsistente as acusações contra o governador Ricardo Coutinho (PSB) e decidiu arquivar a Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) que pedia a cassação do mandato do socialista por conduta vedada nas eleições de 2014.

O relator da matéria, juiz Breno Wanderley viu inconsistência na denúncia por falta de provas. A decisão foi acompanhada pelos demais membros da corte.

A procuradoria do Ministério Público Eleitoral já havia se manifestado pela improcedência das acusações.

Na mesma sessão, o Tribunal Regional Eleitoral também decidiu pela improcedência de uma representação contra o senador Cássio Cunha Lima (PSDB).

 

DEIXE UMA RESPOSTA