celsomorais

O prefeito de Itapororoca, Celso Morais (foto), lembrou, nesta terça-feira (20), que ao assumir o cargo em janeiro de 2013, herdou débitos de R$ 2,5 milhões da gestão do ex-prefeito da cidade, Erilson Rodrigues (PMDB).

Segundo o prefeito, o peemedebista só deixou lixo e dívidas. “Ele raspou o último real do caixa. Como não podia sacar os centavos R$ 0,36”, comentou Celso Morais.

Em 2008, Celso Morais disputou a eleição com o então adversário, o ex-prefeito Adamastor Madruga. O ex-prefeito teve todos os votos considerados nulos pela Justiça Eleitoral e Celso apareceu como único candidato.

Celso lembrou também que, diferente de Erilson, ao deixar a prefeitura, em 2009, entregou a gestão com todos os compromissos em dia e mais de R$ 700 mil em caixa. Na época, segundo ele, a Prefeitura estava totalmente adimplente e os servidores estavam com os salários em dia.

Eleições 2016

Nas eleições, deste ano Erilson Rodrigues disputa a prefeitura pela coligação “Com  a Força do Povo” contra a vereadora Elissandra Maria Conceição de Brito (25), da coligação “Pra seguir em Frente”.

MaisPB

DEIXE UMA RESPOSTA