Ricardo vê em elegibilidade de Dilma ação para proteger Cunha

0
381

Ricardo e Dilma

O governador Ricardo Coutinho (PSB) declarou, nesta sexta-feira (2), que vê casuísmo na votação do impeachment da presidente Dilma Rousseff  no Senado.

Para o chefe do executivo estadual, existiu uma “quebra de regras” para poder beneficiar o ex-presidente da Câmara Federal, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

“Eu vi com preocupação a quebra das regras. Se condena uma pessoa sem cometer crime e, se tivesse cometido crime, porque não aplicar as regras. É visível isso. Esse casuísmo aconteceu em função de Eduardo Cunha de cunha que querem salvar par aproxima eleição.  Acho que o povo não aceita esse comportamento”, disse Ricardo Coutinho acrescentado:

“O país vive em uma sinagoga e só vai sair desse esquina com a presença a participação do povo e não dos políticos”,  disse.

Roberto Targino – MaisPB

 

DEIXE UMA RESPOSTA