Nem a crise hídrica enfrentada em São Bento, sertão do Estado, é capaz de sensibilizar os mal intencionados. Na manhã desta terça-feira (26), o sistema de captação de água, localizado no sítio Várzea Grande, Zona Rural da Capital Mundial das Redes, foi vítima de um ato de vandalismo.

Pessoas ainda não identificadas, invadiram o local de captação, que fica numa propriedade privada, pertencente ao Deputado Estadual Galego Sousa, e quebraram todos os canos, furtaram o pé de válvula e a mangueira de sucção (mangote), danificando todo o sistema de abastecimento.

O Coordenador Agrícola, Françuá Silva, relatou que recentemente foi feito um trabalho de melhoramento no sistema de abastecimento, para que a captação de água fosse realizada. “Foi feito um serviço de adaptação no leito do rio para a realização desse abastecimento”, disse o Coordenador.

Segundo o Secretário de Agricultura, Nená, as Polícias Militar e Civil já foram acionadas para que sejam tomadas as providencias cabíveis. Nená relatou ainda que o Tenente Alex irá averiguar o local, em busca de informações dos possíveis responsáveis pelo crime. “É revoltante e ao mesmo tempo lamentável um ato dessa natureza. Estamos nos esforçando para levar água a quem precisa e nos deparamos com esse tipo de crime”, disse o secretário.

O local de abastecimento estava funcionando, levando água para cerca de 75% da população da região que compreende as comunidades de Alto do Cipó, Cosmos, parte da Várzea Grande e parte da Bela Vista.

DEIXE UMA RESPOSTA