Pollyanna pede plano de testagem de Covid-19 nos municípios do Sertão

0
77

Devido ao aumento no número de casos de Covid-19 no Sertão, a deputada Pollyanna Dutra (PSB) solicitou a criação e operacionalização de um Plano de Testagem de Covid-19 no Sertão da Paraíba. Conforme a parlamentar, é hora de proteger a população sertaneja, que tem percebido um aumento exponencial nos casos da doença nos últimos dias.

Leia também: Projeto reforça ações de combate à violência contra a mulher

Em sua justificativa, a parlamentar destacou os riscos advindos com a interiorização dos casos de coronavírus e a importância do aumento das testagens para contenção da doença. “A interiorização do coronavírus representa um risco muito grande para as populações do Sertão, que carecem de equipamentos de saúde adequados para lidar com o tratamento, além das precárias condições econômicas e de transporte. O número de casos no Sertão vem aumentando, mas com uma testagem mais efetiva podemos controlar o contágio, evitando uma situação mais complexa na região”, comentou.

Para Dutra, os municípios não têm condições de desenvolver sozinhos o planejamento nem de operacionalizar uma estratégia de testagem em massa da população. “Os municípios não têm condições de implementar por si só um plano de testagem em massa, nem de fornecer materiais para proteção e prevenção, sendo necessária uma ação do governo estadual a fim de preparar a região para um crescimento descontrolado do número de infectados”, acrescentou a parlamentar.

Preocupação com o Sertão

Na última quarta-feira (29), também atenta à interiorização dos casos de Covid-19 na Paraíba, a deputada Pollyanna Dutra realizou visitas aos Hospitais Regionais de Catolé do Rocha e de Pombal, ao lado do secretário executivo da saúde estadual, Daniel Beltrammi. O objetivo das visitas foi de compartilhar estratégias e visualizar as condições da infraestrutura dos locais para o pleno atendimento da população sertaneja.

O Requerimento nº 10.006/2020, de autoria da deputada Pollyanna Dutra, já foi aprovado na Casa de Epitácio Pessoa e segue em apreciação por parte do Governo do Estado.

Portal Correio