Águas do Rio São Francisco chegam à Paraíba até março

0
321
O deputado Efraim Filho (DEM/PB) participou da inauguração da terceira estação de bombeamento (EBV-3) da transposição das águas do Rio São Francisco, nesta segunda-feira (30) e na sua avaliação esta etapa, que vai impulsionar as águas do “Velho Chico” por mais 60 quilômetros para os estados de Pernambuco e Paraíba beneficiará mais de dois milhões de habitantes e tem a previsão de chegar à população das cidades de Monteiro e Campina Grande até março.

“Na primeira semana de março, especificamente no dia 6, voltaremos à Monteiro para solenidade da chegada da água no município. O equipamento acionado tem capacidade de bombear até 14 m³ por segundo. A expectativa é que dali, chegará ao sul de Boqueirão, para abastecer Campina Grande e várias outas cidades da Paraíba logo”. Afirmou Efraim Filho.

Ainda de acordo com o congressista a transposição do São Francisco fornecerá água para mais de 12 milhões de pessoas na Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Ceará.

As águas da transposição chegarão em março pelo Eixo Leste, por meio do Canal das Vertentes Litorâneas (Acauã-Araçagi), considerada a maior e mais importante obra hídrica da história da Paraíba.

A obra tem orçamento de R$ 1 bilhão vai beneficiar mais de 600 mil habitantes de 38 municípios paraibanos, incluindo irrigação de 16 mil hectares. Dividida em três lotes, a primeira etapa, com 40 km de extensão, tem mais de 90 por cento concluída e vai ficar pronta até março para atender os municípios de Itatuba, Mogeiro, Itabaiana e São José dos Ramos.

O abastecimento será feito por dois eixos, o Norte, com 260 quilômetros, e o Leste, com 217 Km. No total, serão atendidos 390 municípios nordestinos segundo informações do ministro da integração Helder Barbalho.

Entre outras obras que o Governo do Estado vem realizando para receber as águas da transposição do rio São Francisco estão em andamento as do esgotamento em 11 municípios: Belém de Brejo do Cruz, Coremas, São Bento, São José de Piranhas, Cabaceiras, Caraúbas, Coxixola, Livramento, São José dos Cordeiros, Serra Branca e Taperoá. As obras estão sob a responsabilidade da Secretaria de Estado da Infraestrutura, dos Recursos Hídricos, do Meio Ambiente e da Ciência e Tecnologia (Seirhmact),

Totalizando mais de R$ 76 milhões em investimentos provenientes do PAC/ Funasa, os esgotamentos sanitários são importantes para garantir a qualidade da água que chegará aos municípios de forma segura para o uso e o consumo da população beneficiada.

Mais nove cidades também receberão obras do Governo do Estado para chegada das águas provenientes da transposição do Rio São Francisco:Boqueirão, Juazeirinho, Aparecida, São João do Cariri, São Domingos do Cariri, Santo André, Poço José de Moura e São Domingos de Pombal e São Francisco.

DEIXE UMA RESPOSTA