Receita Federal apreende 2,4 mil remessas internacionais com sementes de maconha na alfândega de Curitiba

De acordo com a Receita Federal, ao menos 12 toneladas de folhas de maconha deixaram de ser produzidas por causa das apreensões realizadas ao longo de 2018.

0
95

A alfândega da Receita Federal, em Curitiba, apreendeu 2,4 mil remessas internacionais com sementes de maconha ao longo deste ano.

O número foi divulgado pela Receita Federal nesta terça-feira (16).

De acordo com o órgão, ao menos 12 toneladas de folhas de maconha deixaram de ser produzidas por causa das apreensões.

Cada remessa continha, em média, dez sementes, conforme a Receita Federal. Portanto, a estimativa é de que mais de 24 mil sementes foram apreendidas.

As remessas eram oriundas de vários países e tinham como destino diversos estados brasileiros.

As remessas apreendidas foram encaminhadas à Polícia Federal (PF) para serem destruídas.

Veja mais notícias no G1 Paraná.